Nasceu em Copenhague e mora em Montreal desde 2015. Depois de se mudar para Montreal, formou-se no programa de Cinema da L’inis em 2017, e em 2020 produziu o longa-metragem Vacarme, dirigido por Neegan Trudel, que ganhou o Prêmio Iris de melhor primeiro longa 2021. Em 2021, o documentário Gabor dirigido por Joannie Lafrenière estreou no RIDM e foi selecionado no Hot Docs e no Full Frame film festival. Em 2021 ingressou na produtora Art et essai como produtora e sócia e em setembro de 2023 o longa-metragem produzido pela Art et essai, Humanist Vampire Seeking Consenting Suicidal Person, terá sua estreia no Biennale e no TIFF. Ela também é membro do conselho do sindicato de produtores independentes de Quebec, UPPCQ.